Sobre

0 comentários
Sou uma garota comum. Não sou a mais bonita da turma, nem a mais inteligente, nem a mais educada e nem a mais magra. Não tenho nenhum talento que me faça ser especial ou diferente do resto das pessoas, pelo contrário. A verdade é que eu tenho muitos defeitos que se sobressaem. Sou super sincera, realista ao extremo, perfeccionista, impaciente e teimosa. Claro que eu também tenho muitas qualidades, mas as pessoas só enxergam o que convém, e por isso prefiro que vocês me conheçam para saber do meu lado positivo. Mas existem duas características em mim, que eu não sei classificar como defeito ou qualidade, que se sobressaem sobre as outras, que são: o orgulho e o amor próprio. Eu me amo acima de tudo e por isso não deixo que nenhuma pessoa me coloque para baixo ou tente passar por cima de mim. Por me amar dessa maneira acabei criando um orgulho enorme, que não me permite correr atrás das pessoas, pedi perdão ou falar o que sinto. Confesso que estou tentando melhorar esse meu lado, mas enquanto não consigo estou condenada a perder as pessoas que gosto. Por perder essas pessoas acabo me apegando mais aos objetos. Adoro aparelhos eletrônicos e não consigo me desfazer de nenhum, escuto música alta para poder me desligar da realidade e criar um mundo paralelo, sou apaixonada por livros e pelo universo puro e feliz que eles criam.

Sou nova, mas já passei por momentos difíceis na vida, e foram nessas situações que percebi que eu gostava de escrever. Ou melhor, que eu precisava escrever, pois só assim conseguia organizar meus pensamentos e sentimentos. Além disso, percebi que quando escrevia eu aliviava meus pensamentos e desocupava o meu coração, pois só consigo colocar para fora o que sinto quando já superei, quando já fechei o ciclo. Não sou a mais experiente na vida e não sou profissional, mas espero que o meu hobby possa ajudar outras pessoas em momentos difíceis ou só mostrar uma maneira diferente de enxergar o mundo. Espero que vocês gostem, pois escrevo de coração!
 

Densidade Feminina Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos